Exportação de minério de ferro do Brasil cresce 15% em outubro ante setembro

O país registrou exportações de 34,3 milhões de toneladas.

As exportações brasileiras de minério de ferro em outubro subiram quase 15% ante o mês anterior, para 31,2 milhões de toneladas, mas permanecem abaixo da máxima do ano, alcançada em julho, segundo dados divulgados nesta sexta-feira pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

Os embarques da commodity a partir do Brasil neste ano foram fortemente abalados com o rompimento de uma barragem de rejeitos de minério Vale, Brumadinho (MG), em 25 de janeiro, o que levou à paralisação de diversas atividades, para uma revisão da segurança.

Em julho, o país registrou exportações de 34,3 milhões de toneladas após a Vale, que responde por grande parte dos embarques do país, retomar a produção em sua maior mina de Minas Gerais.

Nesta sexta-feira, a mineradora informou que recebeu Termo de Desinterdição das operações da mina de Alegria, no complexo de Mariana (MG), suspendendo os efeitos de interrupção da operação que se encontra paralisada desde março de 2019. Mas a empresa não mudou a previsão de vendas.

O preço do minério de ferro exportado pelo país, no entanto, caiu para 62,9 dólares por tonelada, contra 68 dólares no mês anterior. Em outubro de 2018, contudo, o preço atingiu 55,7 dólares por tonelada.

Link:https://www.jb.com.br/economia/2019/11/1019613-exportacao-de-minerio-de-ferro-do-brasil-cresce-15–em-outubro-ante-setembro.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *