10 curiosidades sobre um dos maiores terminais de minério do mundo

Inaugurado em 1986, o Porto Marítimo de Ponta da Madeira já completou 30 anos de operação. Está situado no litoral do Maranhão, na Baía de São Marcos, em São Luís. No Terminal, são embarcados minérios com a melhor qualidade possível, unindo assim dois fatores primordiais para a excelência na embarcação desse tipo de material: produção e segurança.

Veja abaixo algumas curiosidades sobre o Terminal Marítimo de Ponta da Madeira:

1- É líder nacional no ranking de movimentação de carga. O Terminal Ponta da Madeira é um dos principais ativos da Vale e um dos mais importantes terminais de embarque de minério de ferro e manganês do mundo;

2- Tem tamanho equivalente a três estádios do Maracanã, com 600 mil m2;

3- Será o maior porto do mundo em 2018;

4- Destina o minério produzido pela Vale para a Europa, Ásia e Oriente Médio. China, Coreia do Sul, Holanda, Japão, Omã e Itália são os países importadores;

5- 600 mil toneladas: é a quantidade de minério que inicialmente era embarcada em 1 ano e hoje é embarcada em apenas 1 dia;

6- 1 semana: era o tempo necessário para carregar um navio de 127 mil toneladas, quando o trabalho foi iniciado em 1986;

7- 30 horas: é o tempo que se leva atualmente para carregar um navio de 300 mil toneladas;

8- 150 milhões de toneladas por ano: é a quantidade de capacitação de exportação do Terminal atualmente;

9- 230 milhões de toneladas por ano: será sua capacidade de embarque em 2020. Ou seja, 1/3 de todo volume exportado pelo Brasil;

10- Recebe o minério de ferro e manganês da província mineral de Carajás (PA) por meio da Estrada de Ferro Carajás, por onde circulam cerca de 35 composições simultaneamente. Uma delas é um dos maiores trens de carga em operação regular do mundo, com 330 vagões e 3,3 quilômetros de extensão.

Fonte: http://noticiasmineracao.mining.com/2017/03/08/10-curiosidades-sobre-um-dos-maiores-terminais-de-minerio-do-mundo/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *